Ocorreu um erro neste dispositivo

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

SABIA QUÊ?...


- Em 1997, a American Airlines economizou US$40.000 eliminando uma azeitona de cada salada.

- Uma girafa pode limpar suas próprias orelhas com a língua.

- Milhões de árvores no mundo são plantadas acidentalmente por esquilos que enterram nozes e não lembram onde as esconderam.

- Comer uma maçã é mais eficiente que tomar café para se manter acordado.

- As formigas espreguiçam-se pela manhã quando acordam.

- O porco é o único animal que se queima com o sol além do homem.

- Só um alimento não se deteriora: o mel.

- Os golfinhos dormem com um olho aberto.

- Um terço de todo o sorvete vendido no mundo é de baunilha.

- As unhas da mão crescem aproximadamente quatro vezes mais rápido que as unhas do pé.

- É impossível espirrar com os olhos abertos.

- Uma gota de óleo torna 25 litros de água imprópria para o consumo.

- Os chimpanzés e os golfinhos são os únicos animais capazes de se reconhecer na frente de um espelho.

- Rir durante o dia faz com que você durma melhor à noite

OS ODIADOS


Quem tem prazer em ser odiado? Ninguém, creio. Contudo, o Senhor garante que esse sentimento acompanhará Seus seguidores por todo o mundo. E, se por acaso, o discípulo não carrega em si o desprezo e o ódio do mundo, certamente não tem nada a ver com Ele. Quem quiser evitar ser alvo disso, basta negar a fé.


Muitos têm abraçado a fé cristã, mas, cedo ou tarde, chega o momento em que precisam se definir. Neste momento, infelizmente, a maioria se acovarda e prefere salvar a própria pele. Para os tais, um aviso:

…aquele que Me negar diante dos homens, também Eu o negarei diante de meu Pai, que está nos céus. Mateus 10.33

Deus tem permitido essa situação para com todos os chamados. Porém, escolhidos serão apenas os odiados que se mantiverem firmes até o fim.
Sereis odiados de todos por causa do Meu nome; aquele, porém, que perseverar até ao fim, esse será salvo. Mateus 10.22

Sereis odiados de todas as nações, por causa do Meu nome. Mateus 24.9

Sereis odiados de todos por causa do meu nome; aquele, porém, que perseverar até ao fim, esse será salvo. Marcos 13.13

De todos sereis odiados por causa do meu nome. Lucas 21.17

FONTE: http://iurd.pt/os-odiados/



terça-feira, 5 de outubro de 2010

DE VOLTA ONDE TUDO COMEÇOU

Amo descobrir mistérios escondidos nos versículos bíblicos que passam despercebidos por muitos; versículos que raramente são mencionados. Eu me deparei com um desses versículos ontem à noite. Aqui vai:

Novamente, se retirou para além do Jordão, para o lugar onde João batizava no princípio; e ali permaneceu. João 10.40


Depois de enfrentar severo confronto com os judeus, o que quase o levou a morte por apedrejamento, nosso Senhor Jesus fez algo interessante. Ele voltou ao lugar onde João batizava no princípio, onde também Ele foi batizado por João, e permaneceu ali – talvez por alguns dias ou até mesmo semanas.


A pergunta é, por quê Ele voltou pra aquele lugar?


Bem, a resposta óbvia é que Ele tinha que esperar que as ameaças se esfriassem um pouco. Mas essa não poderia ter sido a única razão pela qual Ele voltou lá. Afinal de contas, haviam muitos outros lugares pra onde poderia ter ido se esconder, que não eram tão longe como “além do Jordão”. Mas Ele fez questão de viajar todo o caminho de volta ao lugar onde Seu ministério começou. Por quê?


Sem dúvida, durante o tempo que o nosso Senhor Jesus permaneceu ali, Ele pôde recarregar Suas energias, reorientar Sua visão, lembrar do porquê Ele veio, e o que veio alcançar. Em outras palavras, Ele voltou ao princípio, e isso O ajudou a permanecer no caminho certo.


As vezes nós também precisamos voltar ao nosso ponto de partida – lembrar dos nossos votos iniciais, nossos primeiros planos, o até-que-a-morte-nos-separe que prometemos quando nos casamos, os alvos de quando começamos um negócio, ou quando começamos a servir a Jesus.


Os problemas da vida, os ataques que sofremos, as perseguições, e os contratempos que vivenciamos, contribuem para nos desanimar e tentar nos desviar dos nossos objetivos. Se não nos lembrarmos sempre do que inicialmente queríamos alcançar, vamos nos desviar do caminho e acabar mal.


Por isso, sempre que for preciso, faça como o Senhor Jesus: Volte onde tudo começou. Quer seja o seu primeiro amor com Deus, os seus votos de casamento, os seus planos e objetivos, o dia em que você foi salvo, etc — tire um tempo para você se reorientar e se lembrar do que realmente está tentando alcançar. Não deixe que nada o desvie de sua meta.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

O arrependimento pleno


Uma coisa é reconhecer que você fez algo de errado e desobedeceu às leis de Deus; outra é entristecer-se com isso a ponto de resolver com determinação jamais fazer tal coisa de novo. Isso é arrependimento. Arrepender-se significa mudar de idéia. Dar meia volta e ir para o outro lado. Arrepender-se é sentir tão profundamente por seu ato a ponto de fazer o que for preciso para que não se repita. A confissão significa que reconhecemos que fizemos algo errado e admitimos nosso pecado. O arrependimento significa que sentimos por nosso pecado a ponto de nos entristecermos profundamente e mudamos de rumo.


Trecho do livro “O poder da mulher que ora”, de Stormie Omartian.

FONTE:http://www.cristaodauniversal.com.br/